Sobre o colar de âmbar

Há alguns anos um acessório curioso tem chamado a atenção de quem repara um pouco mais nos bebês e crianças que circulam por aí: o colar de âmbar. O âmbar é uma resina fóssil produzida por pinheiros que cresceram há cerca de 50 milhões de anos. Encontrado desde o Neolítico, é considerado um dos maiores tesouros da nossa natureza. A resina preserva folhas, flores e pequenos insetos que ficaram ali, em seu estado natural, o que o torna cada peça única.
Apesar de sua beleza, muitas pessoas estranham que crianças tão novas (algumas recém-nascidas), já utilizem o colar. O colar de âmbar é novidade no ocidente, apesar de amplamente utilizado na Europa. No oriente, faz parte da medicina natural há muitos anos, e muitas crianças chinesas já saem da maternidade utilizando o  colar.   Mesmo sem ser cientificamente comprovada a sua eficácia, acredita-se que o âmbar  é uma resina que libera um componente conhecido como ácido succínico. A substância é famosa por ter propriedades analgésicas, anti-inflamatórias, cicatrizantes e imuno-estimulantes, o que atenuaria os desconfortos causados pela erupção dos dentes.

 Também é muito benéfico para adultos. Funciona como um analgésico natural, indicado para aliviar crises de enxaquecas, tendinite, dores causadas por fibriomialgia. Fortalece o sistema imunológico e promove bem estar.

• Segurança
  
 Nossos colares são confeccionados em fio resistente e com um nó entre cada conta. Caso tenha a se romper em algum momento, não há perigo para o seu bebê, pois ele não perde todas as contas. 
 Trabalhamos apenas com fecho em rosca, desta forma o colar fica bem fechadinho e não corre o risco do bebê conseguir abrir sozinho. Eles são extremamente seguros e se vier a sofrer forte pressão, se rompe no mesmo momento para garantir a segurança do seu bebê. 
 
 
• Cores e modelos

 O âmbar é encontrado em centenas de tonalidades em seu aspecto natural, algumas mais claras e outras mais escuras. Mas suas cores não influenciam no efeito terapeutico. 
 Já em relação ao acabamento da peça, existem uma leve diferença entre o polido e não polido. Os colares e pulseiras que não passam pelo processo de polimento, possuem uma concentração maior de ácido succinico, substância responsável pelo seu efeito terapeutico, sendo mais eficazes que as peças polidas. 

 
 Tempo de uso:

  
O colar de âmbar pode ser usado no pescoço do bebê à partir de três meses, pois antes disto os bebês não conseguem sustentar a cabeça, o que pode ser um pouco incomodo com o uso do colar. Por isto recomendamos que antes disto seja utilizado como tornozeleira com duas voltinhas. Ou até mesmo que seja adquirido a tornozeleira e pulseira, que podem ser usadas desde os primeiros dias de vida. 
 O âmbar deve ser utilizado diariamente em contato com o calor da pele, para obter o máximo de seus beneficios. Durante a noite, pode ser utilizado como tornozeleira com duas voltinhas. 

 
• Cuidados com a peça: 

 O âmbar é uma peça muito delicada, que requer alguns cuidados, como evitar o choque com superficies duras. Também recomendamos evitar o uso do âmbar com protetores solares, perfumes, sabonetes; estes produtos podem fechar os poros naturais do âmbar e com o tempo desgastar a peça, fazendo com que as contas se quebrem. 
 O fecho da peça deve ser fechado cuidadosamente, pois se a rosca for fechada com muita força, pode se romper por segurança. 

  
• Autenticidade: 

 
Você já sabe que somos pioneiros no comércio de Âmbar aqui no Brasil, né? Começamos a trabalhar com colares de âmbar em 2012 e desde então fizemos inúmeros testes com diferentes fornecedores. 
 Nosso âmbar vem diretamente da Lituânia e como prezamos por qualidade e a garantia do efeito terapêutico, trabalhamos apenas com Âmbar Natural Legítimo. 
 Hoje em dia o existe uma grande quantidade de importações de âmbar falsificados, mesmo com certificado de autenticidade (o que também pode ser falsificado e não é garantia de âmbar legítimo). 

 Existem algumas maneiras de descobrir se o seu âmbar é verdadeiro ou se não passa de uma cópia. Deixamos algumas dicas de testes que podem ser feitos em casa e além disto uma dica de ouro: Busque referências da marca que você vai comprar, veja depoimentos dos clientes e o tempo de mercado. Isto facilita muito na hora de adquirir este item tão valioso para a saúde do seu bebê e da sua família. 

 Teste do cheiro: O âmbar tem o cheiro característico de pinheiro fresco. Quando o âmbar é queimado ou está em seu estado natural (cru), exala este cheiro. 
 
 Para realizar o teste você vai precisar de uma agulha quente. Procure uma conta que esteja mais próxima do fecho, e coloque a agulha bem quente sobre a conta. Se o seu colar for âmbar verdadeiro, vai exalar um aroma adocicado e suave, muito característico. Caso não seja âmbar, sua peça pode exalar um cheiro ruim, de plástico queimado. 
 Outra dica super importante: o âmbar não queima rapidamente como o plástico e copal. Se a sua peça queimar rapidamente e derreter, não é âmbar Legítimo. 

 E para se obter os benefícios do âmbar é necessário adquirir uma peça verdadeira, pois outras materiais não possuem efeito terapeutico.

 Caso tenha qualquer dúvida sobre esta maravilha da natureza, entre em contato conosco. 

 Um forte abraço,
 Gessica
 



 
 

Receba ofertas em seu e-mail

Assine nossa lista e receba descontos.